quinta-feira, 24 de março de 2011

Em OFF – Jogadores e uma breve história.

            Tudo começou em 1999, ainda estava no ensino médio, quando conheci o Baguá. O cara falava de um jogo de interpretação, dados, vampiros, clãs e um mundo punk-gótico. A galera se interessou e estava a procura dos livros para jogarmos e fazermos a nossa primeira viagem para o mundo das trevas. Estávamos conversando durante o intervalo da escola quando outro amigo, Mançano, disse-nos:

            - RPG? Eu tenho os livros básicos e alguns dados, se quiser eu narro pra vocês. 
            Obviamente aceitamos e marcamos a nossa primeira sessão em casa. Fizemos uma breve leitura, escolhemos nossos personagens e montamos nossas fichas. Jogamos por horas na madruga e definitivamente já estávamos viciados.
            Infelizmente nosso mestre, o Mançano, não apareceu na segunda sessão, nem na terceira. Decidimos então andar com as nossas próprias pernas e começamos a testar os mestres. No fim, eu fiquei com o “cargo”. Começamos a comprar livros e acessórios para enriquecer nossos conhecimentos e o jogo. Desde aquela época, nunca me arrependi de ter gastado um real se quer com o RPG.


        Primeira formação séria do grupo: Patinho, Jester, Bocão, Tigrinho, Testa, Chu (com a foice), Marcos, Bob e eu. OBS: Tinha o G também, mas acho que ele não estava nesse dia. 

        Nem todos gostavam tanto assim do jogo, a vida é assim, alguns gostam de algumas coisas e outros gostam de outras. Alguns gostam de algumas coisas um pouco, alguns gostam mais ou menos e alguns gostam muito. (o que eu falei? kkk). Assim, o grupo foi sofrendo alterações na formação com o tempo. Nem temos mais fotos de algumas delas. Mas vamos ai:




           Esses capítulos contados nesse blog são protagonizados por ex-jogadores e atuais. Dois deles estarão aparecendo em futuros capítulos:


           Cainã “bob” Crepaldi (Nicolas Giovanni)


            “O RPG é um constante ensinamento para vida que, apesar de ser um jogo fantasioso, ensina-nos a reagir às diversas coisas que nos acontecem. Funciona como uma aula de teatro que nos ensina a ter raciocínio rápido, astúcia e malícia - no bom sentindo - para dar continuidade à história.”


MSN: cainan_cm@msn.com
Twitter: @cainanbob



           Claudemir “croud” Almeida (Nathan Suey)


           "Um tabuleiro de xadrez, onde as peças são os personagens e o futuro dos acontecimentos 
é uma incógnita, seus atos e mudam o jogo, assim como o jogo muda seus atos, uma fantasia
onde se pode ser e fazer o que quiser, quando quiser e onde quiser. Um gigantesco mundo
criado por pequenas coisas."


           Gabriel “finger” Venezian (Promo Luke)


           “Foi uma forma de diversão, aprendizado e encontro de amigos. O jogo mais realista, junto com interpretação. Foi uma grande experiência.”



Gabriel “magnólia” Matiaze (Lillyan Tatcher)

          
“É o meu mundo, o Nosso Mundo, lugar fantástico onde podemos ser suprahumanos e deuses. Muita gente me entristecia quando falavam que não entendia como eu conseguia ficar sentado jogando um treco tão chato... daí eu refletia o quanto me fazia bem jogar. Hoje eu só tenho que afirmar o quanto é prazeroso sentar algumas sextas e adentrar na fantasia, é envolvente e muito divertido... porque quem está fora... simplesmente está por fora do sonho que é o Rpg. Nesses 10 anos de casa, já sai do jogo e já entrei e de todos os lugares e amigos são os que mais me receberam bem... de braços e mentes abertas... posso me afastar, mas com a certeza de que faço parte de toda essa fantasia. Quero aproveitar para agradecer a essa galera do bem que colabora ao seu jeito para tornar o Nosso Rpg uma realidade... quer em livro online ou gibi... valeu turma!”


Gustavo “ace” Bezerra (Dean Falcon)

           
            “É onde você pode ser o que realmente é (animal), ou o que você nunca vai ser (imortal), só basta ser o que você quer interpretar (uma besta). Aprendi muito e ganhei meus melhores amigos em uma mesa de RPG, se tiver a mesma sorte jogue, ou nunca saberá realmente como é a brisa do mundo das trevas.”

Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=17460529148671777080
MSN: guxkurt@hotmail.com


João “smili” Shioga (Runouri Kenshin)
        
       
            “Era como fazer uma peça, só que a gente podia escolher o personagem e não sabia como seria o script... Era divertido!”


Mariana (Evelyn Raitan)

(perdemos o contato)


Mauricio “hurley” Fernandes (Tim Skold)


            
            “É uma maneira de vivenciar coisas que vão além da imaginação, histórias nas quais podemos mudar a cada momento e um mundo onde as escolhas são ilimitadas, respeito meus personagens mais faço ousadias com eles nas quais teria receio na vida real.”

MSN: mauricio.fts@hotmail.com


Vanderlei “pinguyn” Pereira (Rafael Felipo)
           
          
      (não teve tempo para se expressar)

                 Atualmente não jogamos mais Vampiro: a Máscara, e sim o Mundo das Trevas (World of Darkness), que nada mais é que o conjunto de todos os seres sobrenaturais que caminham mundo a fora. Atualmente estamos com esse grupo:


           Agradecendo também as pessoas que estão acompanhando nossa história e seguindo nosso blog. Se alguém da região de Ourinhos, Ipaussu estiver interessado em jogar, basta entrar em contato com algum dos jogadores. Só peço que seja sincero consigo mesmo a ponto de levar a sério e se empenhar.
            O ritmo dos capítulos terá uma desacelerada, pois estou na semana de provas, então tem que ir um pouco devagar pra não ferrar com a faculdade né! Atualmente nossa história se encontra no capítulo 109 e pretendo escrever todos eles com toda a calma do mundo. 


               Júlio “malk” Crepaldi (Narrador)

            
            “Sempre quis fazer teatro e estou fazendo da melhor forma. Quando estou atrás daquele escudo sinto uma energia inexplicável passando pelo meu corpo e alma. Simplesmente o melhor sistema de jogos que já inventaram. Papel, dados e imaginação... Como um passo de mágica, estamos em outro mundo, longe daqui!”

Twitter: @hstmalk
MSN: hstmalk@hotmail.com

3 comentários:

  1. Pelas fotos dá para ver minha "evolução"...
    Cabelo liso e tigelinha, hoje essa coisa aqui rs

    ResponderExcluir